sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Na Ragga deste mês.

Publico abaixo o texto na íntegra, como escrito originalmente. Infelizmente, na correria do fechamento da revista, a página saiu com divisões de parágrafos diferentes do original e alguns erros de revisão.



Quando aprendi a dizer eu te amo.

Ele era só um colega de trabalho. Que a cada manhã abraçava as pessoas para um bom-dia e um beijo, fosse homem ou mulher. "Linda", era como ele se referia à mãe ao falar com ela por telefone. Não raro, se despedia dizendo "Eu te amo".

Gostar dele foi fácil. Em pouco tempo éramos amigos a trocar histórias. (E amigos sentem o amor mais bonito que se pode amar.) Um dia, depois de contar a ele algo que me entristecia, recebi um e-mail: "Eu amo você". Não era uma declaração romântica, eu sabia disso. Mas fiquei olhando para a tela, tentando disfarçar certo constrangimento.

Ele era casado, eu também. Meses depois, as coisas mudaram. Numa festa de trabalho, ele falou da paixão que sentia por mim. Eu já havia esquecido aquele e-mail — que era apenas uma prova da pessoa especial que ele era.

O primeiro "Eu te amo" era amor puro, sem sedução. O segundo, sim, tinha uma dose de paixão.

Ele me ensinou a falar de amor. Amor que esteve presente do início ao fim em uma história que teve curtos dois anos de duração – ou, dependendo do ponto de vista, uma história para sempre. É que antes de deixar esse mundo ele me deixou um filho. Um jeito definitivo de falar de amor.

Foi para esse filho que recitei o meu amor por seis ou oito vezes, ao sair da garagem outro dia, pela manhã, e ver sua cabecinha na janela para se despedir. Não me lembro de ouvir minha mãe gritando essa frase pra mim de onde quer que ela estivesse.

Venho de uma família amorosa, mas que costumava reservar as palavras de amor para cartas escritas em datas especiais — que líamos com lágrimas nos olhos e certa timidez. Faz pouco tempo que me permito falar rasgado.

Sim, falar. Não escrever num cartão ou sussurrar no ouvido de alguém. A-mo-vo-cê. Não para mandar com flores, mas pra fazer flores com as palavras. Não só para amores do sexo oposto, eleitos pra dividir a vida com a gente. Mas para todos os que verdadeiramente amamos. São muitos.

Amamos quem divide com a gente um dia de trabalho. Amamos quem nos faz rir. Amamos quem dá ou aceita ajuda. Amamos quem sabe ser carinhoso. Existe amor em nós e é bom falar sobre ele. É energia que se multiplica e torna melhor o dia, o tempo, a vida.

Certa vez, convivendo com a família do pai do meu filho, já sem a sua presença, ouvi da mãe dele um "Amo você." Hoje, digo a eles o mesmo. Falar de amor me transformou para sempre.

Com o tempo e os fatos, reparei que meus irmãos e amigos também aprenderam. Acho que a vida ensina, ao roubar de nós momentos e pessoas. Passamos a entender que o tempo não volta. É melhor ter a certeza de ter dito o que sentimos.

Quando decidi escrever sobre isso, cheguei em casa tarde e havia festa no prédio — meu humor piorou quando notei que o repertório era sertanejo. Não houve como não ouvir os convidados cantando "Amigos para sempre" em uníssono, provocando em mim uma alegria que me pegou de surpresa. “Devo estar ficando velha”, pensei.

É o contrário: finalmente estou jovem porque agora entendo.

86 comentários:

Caroline disse...

Não sei como explicar a emoção que tomou conta de mim ao ler seu texto! Lindo, simples, direto... não se precisa + que isso para falar de amor!
Parabéns Chris...

Posso dizer com toda certeza que todos que acompanham o seu blog AMAM VOCÊ!!!

Bjos
=)

Sofi disse...

Linda para sempre!
Beijos.

Wal disse...

Ai que lindo!!! Fiquei emocionada e me fez pensar que tenho o hoje pra dizer que amo as pessoas que me são queridas. Super lição de vida!!!

Laura de Oliveira disse...

Ê Cris!

Bonito mesmo...

Eu também amo você, Cris Alegria, que mudou a minha vida, né?

BjO :_)

Sissi disse...

Ei, Cris! Bonito demais perceber o nosso olhar se renovando na vida. Te amo querida!

Mi estilo, mi moda!!! disse...

Oi Cris,
Maravilhoso este texto! Amo a sua escrita... sempre bem leve e bonita!
Eu aprendi a dizer "eu amo você" quando me mudei pra bem longe(nova zelandia) aos 22 anos e percebi que ao despedir de uma pessoa eu poderia estar despedindo por ultima vez e que portanto eu queria que ela soubesse do meu amor por ela. Desde entao eu falo "amo voce" todos os dias
E porque nao dizer que eu amo você também? Eu amo você! Suas palavras, seu sorriso, seu carisma alegra o dia de muita gente nesse mundo! e eu sou uma delas!!
Continue assim!!!

priscilabueno disse...

Lin-do! Lin-do! Lin-do! É isso que eu tenho a dizer....Parabéns!
Abs,
Pri

Paula K. disse...

Ai Cris...percebi que estou nessa fase ainda de só falar de amor em datas especiais...no cartão...triste, não? Quero mudar!!!
Bjinhos, Paula.

Mel disse...

Sempre fiquei meio tímida de comentar alguma coisa aqui, mas hoje não contive. Obrigada por me fazer chorar de emoção ao ler a sua história de amor, de descoberta do amor. É bonito sentir verdade no que você escreve.
Que não lhe falte amor, Cris.
Um beijo.

Ana disse...

Ai que lindo!! Vc conseguiu me emocionar mais uma vez. Depois q a minha vó faleceu no final do ano passado eu passei a dizer eu te amo com mais frequencia pras pessoas. Sabe, perdas tb fazem a gente aprender a amar mais. Pra não ter arrependimentos depois.
bjos

Silvia Duque disse...

Lindo o texto Cris,
Aprendi a dizer EU TE AMO há um bom tempo e sempre digo pras pessoas que me são queridas, é impressionante como essa declaração nos faz bem. Perdi um irmão recentemente e o que me deixa em paz e, de um certo modo, "feliz" é que ele foi sabendo que eu o amava muito!!!
Beijão

Cristiane disse...

Belíssimo! Não sei porque lembrei do filme "A vida é bela", do Benigni.

Albânia disse...

Cris, te acompanho a um certo tempo mas hoje será a primeira vez que comentarei no seu blog, é impossível ficar passiva diante de um texto tão lindo e singelo... me lembrou minha irmã, ela diz sempre "eu te amo" e me deixa tão sem jeito... obrigada por me fazer aprender que isso é normal e amar as pessoas tbm. AMO VOCÊ.

Jaime Neto disse...

Pô Cris, todos aqui se amam e te ama! Bjs.

Carolina Arêas disse...

Que boniteza...

Vanessa disse...

oi Cris!
muito lindo!
sempre dou uma espiadinha aqui, nunca comentei, mas hoje não tinha como não comentar!
o seu jeito de escrever emociona e contagia!

Gerusa Souza disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Regina disse...

Cris,

E eu quero te dizer, com toda a sinceridade de meu coração, que eu te amo.
Te amo porque, na fase mais difícil de minha vida, era aqui que vinha me reabastecer e aprender a nadar. Não sei se você se lembra, mas te chamava de "minha professora de natação".
Te amo porque, você me fez ver a vida além da tristeza. Da dor.
Te amo porque você cirou em mm uma coragem de sair na rua linda, bonita, mesmo que os outros achem o contrário.
Te amo porque você me ensinou a me vestir. Se hoje me dizem que sou "fashion", eu sempre cito você.
Te amo por saber se doar. Por dividir conosco um momento tão triste, tão seu e, assim, nos fazer enxergar a vida, com uma lente mais bonita.
É, motivos não me faltam. O que falta mesmo é um dia te dizer isso pessoalmente. Acompanhado, lógico, por um abraço bem apertado.

Um beijo.

Gerusa Souza disse...

Viva a Rosa Cheirosa Maria... Todas as mulheres são Marias pq o amor nos faz assim...

Juliana disse...

Ô Cris, você é tão bonita. Ainda bem que você existe. A minha vida fica melhor com a sua presença. Ainda que eu esteja de um lado da tela e vc do outro. Também tenho tentado aprender, e falar de amor a todos que me cercam. Desconfio que vc tem uma parcela nisso. É bom mesmo que cada um saiba do afeto que temos. De que adianta guardar pra nós? Porque a vida rouba mesmo as pessoas e momentos da gente. Ano passado a vida levou meu pai embora e ainda estou engasgada com isso. Como é que pode, né? A pessoa desaparecer...De repente já não é mais. É tão absurdo. Tão estranho.
...
Importante: amo você. :)
um beijo, minha querida.
Você alegra os meus dias.

Iza disse...

Há momentos que fica engasgado o genuíno, eu te amo.
É um aprendizado que me proponho a fazer todos os dias.
Não é fácil, mas quando sai...nossa, como é bom!
Cris, você é muito linda!
Amo você.
Gente, a Cris é nossa!
beijo

EmLetras disse...

Pra não dizer palavrão (foi o que deu vontade de falar ao ler) digamos "Ponte Que Partiu", como tu sabe escrever bem o que sente, e ainda por cima aprendeu a falar a frase mágica. Lindo.

Lívia

Bel disse...

... Ai... ai .... ai!

Com o tempo ... tu vens te tornando minha escritora favorita, sabias?
... E ... minha escritora favorita vive nesse meu tempo. Sente muito do que sinto, me diz delicadezas desde as vestes. Reveste-me de amor e me faz sonhar com a vida cheia que sempre há ... nas esquinas.
Um beijo,
Tu mereces todo esse amor que te rodeia.

Bel.

[MM] disse...

Cris, você é linda por completo!
Te admiro e desejo ainda mais amor!
A-MO-VO-CÊ!
Pri

Carla disse...

Você é o símbolo do amor!!!Obrigada por existir e nos presentear de forma tão generosa com esse blog.

Renata disse...

Comovente, sincero, tão transparente que mostra a sua alma! E reflete a minha e de outros leitores!

Parabéns!

A-MO VO-CÊ! (Aprendi!)

Bjos!

disse...

não consegui disfarçar a emoção de ler esse texto simples e que diz tudo...como vc tb aprendi a dizer amo vc...depois de ter meus filhos e pros meus pais, que chegaram a ficar emocionados com a situação.
obrigada pelo texto lindo

Klécia Galvão disse...

Você é bárbara!

CotidianoPhoto disse...

Cris,

Todos os dias quando chego em casa tenho que dar aquela paçadinha no teu blog hihihih ... lembro que mais uma mulher que rala , trabalha muito,chegou em casa e com estilo uahauhauua ... e lógico lindo o texto !!!!
Obrigada por compartilhar um pouquinho da sua vida conosco !!

Walmênia Salviano
João Pessoa - Paraiba

Drika disse...

Me emociono com suas palavras...Obrigada...

Dri disse...

Cris,linda!...lindas palavras...
Acabei de perder o homem que eu sei que amo, de verdade, foi por pouco tempo que ficamos juntos, mas foram momentos e dias de muita intensidade, talvez, pelo pouco tempo de convivência, eu nunca disse que o amava...mas eu sei que é amor...e sei que o amo, mesmo não estando mais juntos.
Hoje, após ler o seu texto, sinto-me arrependidade, de não ter dito "eu te amo", meu amor...

Essa dor, é minha, eu sei...

Cris, beijinhos de eu te amo, no coração!
Adriana (Ata/SP)

Aline disse...

Lindo!

Sami disse...

tocou-me! e uma lágrima escorreu pelo meu rosto! merci!! :*

Ananda disse...

Me fez chorar e ter vontade de dizer aos meu amores o quanto eu os amo.

melhor "coisa" que já li na vida !

Camile Henzel disse...

Você é uma pessoa muito amável mesmo! Me fez chorar...
Como sou do RS não digo "Amo você" e sim "Te Amo" e é bom demais!!!
Um beijo!

K. disse...

Simplesmente lindo, estou com lágrimas nos olhos.

Andreia Pierangeli disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Andreia Pierangeli disse...

Lindas palavras... Amor a gente sente e ponto.. não tem explicação.. Falar que ama, nos dias de hj é uma dádiva.. Parabéns por compartilhar com seu filho as palavras e o sentimento mais suplique que Deus nos deu.. O amor..

Gde bjuuuuuuuuuuu

Bailarina disse...

Eu te amo...

Je t´aime...

I love you...

Ich liebe dich...

Não importa o idioma, o peso destas três palavrinhas, ditas com todo o amor que houver, é capaz de transformar até o mais cinzentos dos dias em sol e alegria.

Não vou esconder que foi com lágrimas nos olhos que terminei de ler o texto que traduziu de forma tão singular a importancia de amarmos as pessoas e de ser fazer saber.

Bjo grande, flor! Muito amor pra vc!

Izabella disse...

A Bel tem razão. Você está se tornando nossa escritora predileta. E o barato disso tudo é a sua contemporaneidade. Você fala de desejos nossos, de ansiedades comuns e de amores próprios que são amores universais. De todos e de tudo.
Você nos faz enxergar a vida com leveza e poesia. Há tempos não via isso nas escritas, apenas em poesias dos que já se foram.
Amo você!

[margarida] disse...

Você escreve lindamente, Cris! Uma delicadeza ímpar pra juntar as palavras e registrar sentimentos!

Que prazer te ler!
Beijo e admiração sempre!

Mariane disse...

Copiei e espalhei por email aos meus amores (com a devida fonte, pode deixar!!)
Ainda sou como sua família: amo, mas não sei falar rasgado.
Mas ainda há tempo, né? :-)

Denise disse...

Lindo seu texto e linda, muito linda e voce. Cheguei as lagrimas ao ler o seu texto.
Um imenso abraco, que vem do meu coracao.
Que deus abencoe voce e o seu filho.

Nanda Assis disse...

é verdade, falar de amor, independente para quem, as vezes é muito mais dificil q falar de coisas ruins.

vc escreve muito bem, devia escrever mais.

bjosss...

Cy disse...

oi cris querida,
olhos mareados de alegria a sua palavra deixou em mim.

vc não está velha não... é que a vida, às vezes, nos faz parar para ver a sua beleza. tenho aprendido que o amor é o melhor jeito de responder às questões do mundo. eu acredito nisso. o verbo "amar" tem que ser dito no imperativo. "Ame". não há necessidade de complementos. Ame este ou aquele, ame agora ou depois, mas ame. não há justificativas. é só amar.

bjss no coração.
cy

Fabio Oliveira disse...

É fácil mas é difícil.
É simples mas é complexo.
É bom e é ótimo.
Eu também amo.

Dany Braga disse...

Cris, impossível não me emocionar com suas palavras. Cá estou eu de férias, em uma praia paradisíaca, mas ao computador me derretendo e chorando com suas lindas palavras. Obrigada por me fazer mais feliz. Independente de eu estar aqui ou em qualquer outro lugar, me dei realmente conta de que cada momento da vida é precioso. Eu sempre tive dificuldades em demonstrar meus sentimentos com palavras, aprendi a ser assim. Embora também exista muito amor em minha familia todos são um pouco secos....depois da morte do meu pai, quando ainda éramos muito pequenos e minha mãe tinha apenas 29 anos, ela se tornou ainda mais dura....deve ter sido o peso de criar duas crianças sozinha. Mas seu texto me deu uma vontade enorme de dizer a ela que a amo mais que tudo nessa vida. Eu sou o hoje o que sou e tenho tudo o que tenho por causa dela. E o seu Cisco será muito mais, e tenho certeza se orgulhará imensamente dessa linda história e da mãe que ele tem. Obrigada mais um vez. beijo enorme. Dany

Di disse...

Todos me condenam por acharem que eu banalizo o sentimento de amar, mas hoje posso provar a todos eles que eu nunca estive errado. Você é surpreendente! bjim =)

Cae Fernandes disse...

É incrível como nos sentimos às vezes transbordando de amor e não conseguimos expressar esse sentimento!! Poderíamos transformar o dia das pessoas, com simples palavras.Talvez, hoje, com as suas palavras, eu consiga dar esse passo...amo você, simplesmente por você dividir conosco seus aprendizados.Você é uma fofa!!! Beijos

Lua disse...

Lindo lindo lindo! Não entendo por quê algumas pessoas simplesmente não conseguem dizer 'eu te amo'.
E pq outras dizem sem saber o que realmente significa...
Adorei seu texto, parabéns!
=*

Carol Mendonça disse...

A-MEI seu texto!
Deixou meus olhos marejados...
Obrigada por nos presentear não apenas com suas inspirações diárias, mas também por dividir conosco seus sentimentos mais profundos!
Amamos você!

MÔNICA disse...

Cris

Voce me emociona.
Adoro voce.
Seus textos me fazem refletir sobre minha vida.
Obrigada

Mônica

Tamara Treml disse...

Muito mais do que perfeito!
Você é linda Cris,e os seus textos também!

Fabi disse...

Lindo Cris...

Que lindo que vc colocar todo esse amor nos seus textos...dá quase pra tocar o amor em suas palavras.

um beijo
Fabi

Fefê disse...

Lindo texto!
Iluminou minha madrugada...

Camila de Souza disse...

Daqueles que dilatam o coração da gente.

Cacarina disse...

Oi Lindinha!
Já nem comento mais.
Você ficou acolhida em meu coração. Na vontade de vê-los bem e felizes a cada pulsação.
Que texto mais lindo!
Deus os abençoe infinito!
Claudia

Jo disse...

Cris

Lindo como sempre!
Abraços.
Jo

LUARES DE LILITH disse...

Amo você! Se é preciso explicar: pela delicadeza, pela alegria e o jeito inteiro com que nos diz tanto, mesmo quando não há palavras que reverberem no ar , aqui, ali e acolá (ou seja visito todos os teus cantos - blogs sagrados). Aprendo muito contigo! Agradeço e te desejo muita luz e amor na tua existência! Felizes sejam os teus dias! * Se um dia eu for a BH, quero te dar um abraço, senão for, quero dar do mesmo jeito e está dado... rs Uma riqueza é você, são os teus textos, viveres, teu lindo Francisco e o amor que não cabe em você! Muito obrigada! Luciana

Renata Fontanetto. disse...

lindo e de encher os olhos com lágrimas :)

Fernanda disse...

Cris...
Acabei de ter uma discussão com o homem da minha vida...Disse palavras duras, verdadeiras mas extremamentes duras, e sem querer o fiz chorar... Eu que falo tantos "Eu te amo", fiquei com o coração em pedaços, pois a mesma boca que expressa tantos sentimentos bons que diz tantas coisas bonitas e sinceras, também é capaz de magoar, ferir e humilhar... Com seu texto, vi o quanto me falta o equilíbrio... Continuar dizendo "Eu te amo", mas ao mesmo tempo dosar minhas palavras duras... Um dia eu aprendo... Obrigada... Beijos

Brisa Ananda disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Karin Luisa disse...

Uma pena mesmo essa revisão. Aliás, não deveriam ter alterado seu texto! Erros como "se despediam-se" é matar! Mas não se preocupe, Cris. A mensagem é tão linda que esses erros ficaram imperceptíveis.

bjs,
Karin

Minha moda de hoje disse...

Cris, eu nunca perco a oportunidade de dizer aos meus queridos que os amo. Falo e repito o quanto posso e sem reservas.
Faltava dizer para vc: Vc é uma linda pessoa que faz parte da minha vida e é um exemplo e tanto para mim. Por isso, te amo! Mary

Pilar Martinez disse...

Lindo, Cris!
Esse texto transborda de amor e delicadeza.

Didi disse...

Você é demaissss!!!!! Um texto lindo e sesível como vc.
Eu digo ''eu te amo'' sempre e pra muita gente... É muito bom
Tomara que com seu texto mais gente aprenda.
Beijos.

Kelen disse...

Cris
Su sua fã ha tempos e todo dia te espio nos blogs mas hoje não tem como não comentar sua mensagem tocou minha alma! Amo vc por ter tornado meu dia especial!
BEijocas

Ana Lucia disse...

lindo texto!!!!Amei..Vc me emociona sempre!!!

patti disse...

cresci numa família que nos amamos muito mas... não sabemos falar, quero mudar isso pela minha filha, obrigada Cris vc é mesmo especial.

Estilo L Comunicação disse...

Lindo, singelo, delicado e precioso esse texto. Tudo que escreve é incrível e toca lá no fundo. É gostoso de ler...dá vontade de que nunca acabe...ai..ai. Obrigada por encher nossa vida com uma história tão linda.
Vou escrever um pedacinho na parede do meu escritório e ficar lendo muitas vezes.

Bjo enorme
Larissa F.

Denise disse...

Você conseguiu me comover de uma forma especial.. Sua história é linda.. e é mais especial ver q o amor rege sua vida..
Vc é especial.. Felicidade e muito Amor!!

Marina disse...

Cris, primeira vez qe leio seu blog, e já de cara me identifiquei muito. Obrigada! e parabéns

Marina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
cris disse...

Sempre entro no seu blog por que gosto muito das fotos, mas esse seu texto foi um presente no meu dia e com certeza no de todos que o leram.
Parabéns pelo seu talento.

As moçoilas....... disse...

Perfeito. Obrigada por passar para gente essa valiosa liçao de vida. Adorei o texto.
Carol
http://mocoilasdesacolas.blogspot.com/

A.Elena disse...

Nossa cris lindo demais suas palavras,e exatamente,perfeitamente real.Eu sempre gostei de falar as pessoas que eu as amo,com toda sinceridade e carinho,isso se torna especial a quem escuta,em momentos conforta,em outras faz o dia ficar feliz,faz as pessoas que amomos se amarem e perceber que são de grande importância em nossas vidas.Eu digo que amo minha família,meus colegas,minhas amigas que sempre me acompanham,meu cachorro,o meu semblante quando me olha no espelho,e até mesmo o brigadeiro que quando estou com muita vontade de comer,vou la e faço um montão e com amor...e vou dizer a você Cris que já te amo,por você sempre nos mostrar que embora todos os obstáculos da vida,ainda podemos sempre amar e sermos amados. Muitos beijos!

Aline Elena =)

Telga Lima disse...

Não tive como não chorar. Não após ler algo tão delicado.

Telga Lima

Luciana Chammis disse...

Agora tô eu aqui no trabalho de frente para o pc e chorando igual a uma manteiga derretida...putz! Lindo texto, vc é 10. Serei uma eterna fã sua.

Tudo de bom pra vc e pro Cisco!

camila disse...

ai cris, chorei baldes! e olha que tenho o "para francisco" e já conhecia parte do que estava neste texto. amei, amei, amei. beijos

Bruna disse...

Oi Cris, que lindo! :-)

E sabe que esta coisa de amor, é engraçada: às vezes o amor está ali e você se esquece dele.

Eu sou casada e antes do meu marido, não lembro de ter dito "Eu te amo" com todas as letras pra alguém. Algumas vezes sei que deixei de falar por pura timidez. Hoje digo "Eu te amo" a todo instante que sinto vontade.

Mas, mesmo assim, outro dia eu estava assistindo a um filme, desses água com açúcar onde a paixão de um casal explode na tela, e me peguei pensando: "Nossa, eu queria esta história de amor pra mim."
E instantaneamente, veio um "tapa na cara" de pensamento: "Acorda filha porque você tem."

O que eu queria escrever com isso tudo é que: mais que falar "eu te amo", eu aprendi a falar com verdade, com consciência, com... amor!

O que me emocionou no seu texto foi eu "ouvir" você falando com verdade e com consciência, o seu amor pelo Francisco. E imagino como foi emocionante a mãe do Guilherme falando "Amo você". Porque você (e a gente) sabe que foi sincero.

Os melhores "eu te amos" são os que a gente tem a consciência da verdade quando a gente ouve ou quando a gente lê (mesmo sendo em um cartão). Minha mãe nunca falou pra mim, mas sempre que me escreve um email, coloca um "eu te amo, filha" no fim.

O triste é que muitas pessoas falam apenas por falar, sem verdade, sem emoção.

Beijos querida! Com amor!

A.Elena disse...

oi Cris,to eu aki comentando de novo!

Amei suas palavras neste depoimento,e além de emoção lembrei um pouco das coisas pelas quais eu passei,relacionadas ao AMOR.
Conheci meu ex namorado afim de tentar esquecer um outro alguém,ai nos conhecemos,e nos demos muito bem. Ai o amor foi surgindo aos poucos,com a convivência,a medida que nos demos conta que já sentiamos saudades,foi uma maravilha durante um ano e se analisar com mais calma pode ter sido só meio ano,de três que eu fiquei com ele.Eu sentia um amor incondicional por ele,muito muito forte,mais eu era ingênua.Eis que surgiu uma amiga dele no meu caminho,umas histórias,a família com uma mãe que tanto fez como tanto faz,um pai tirãno,percebi a imaturidade dele relecionada ao involvimento com a família,passei por humillhações,tive que me defender sempre sozinha das tentativas de hulmilhações que o pai dele fazia,por muitas confusões e mentiras da parte dele,acho que até infidelidade...e ainda escutava da boca dele "EU TE AMO" passou três anos e alguns meses,pra eu me dar conta de que ele me tinha como parte de elenco pras atuações dele,sendo que eu era pra ser parte dele.Enfim,resolvi terminar com ele,depois de ele recusar meus convites,preferir ficar com os amigos,até mesmo de eu preparar um almoço perfeito a dois e ele me deixar plantada.Depois que revi tudo isso terminei tudo,e foi realmente a melhor coisa,mais feriu o amor que eu então sentia.
Parabéns por você ter encontrado um amor tão grande e profundo,pelo seu filho,pelas pessoas que te amam,porque por mais que aconteçam coisas que nos perguntamos o "porque comigo" Deus sabe o que faz,ele colocou você diante do amor da sua vida,mesmo que tenha sido demorado o tempo de vocês se perceberem,mais foi o tempo que vocês tiveram para se conhecer,para então unirem-se em um só amor,e dividir tão grande amor!!
Tomara que um dia eu encontre um amor sincero e eterno que nem esse,para que eu diga "eu te amo"com o maior amor do mundo!


desabafei um pouco!

Muitos Beijos!

Aline Elena &=)

Karina disse...

Cris,
Tão lindo esse texto que espalhei pra todos que amo via e-mail e dei a dica de te conhecer um pouquinho através do seu blog.

Bjs,
Karina (Recife) - Mulher-gato. kkkkk

Manu Damasceno disse...

Não sou de uma família muito amorosa, mas quero isto para a minha família. Dizer eu te amo faz bem.....
Lindo, lindo texto. Nos fez pensar!

Grazi disse...

Muito lindo!!
Moro na Irlanda e depois que me mudei p ca, comecei a dizer eu amo vc pra minha irma, minha mae, o mesmo aconteceu com elas. Eu sempre as amei elas sempre me amaram, mas nao sei porque insistimos em ser egoistas e guardar dentro da gente o que sentimos. Muitas vezes aprendemos o valor das palavras em momentos dolorosos, em que ha distancia, perda.
Voce e uma pessoa muito forte!

Kátia disse...

Cris, minha pequena linda!
Te conheci no bazar e ao te abraçar eu já te amava. Timidamente, meu abraço foi de entrega, ao ver a doçura de pessoa que você é.
EU TE AMO!
Kátia
klim@terra.com.br

Rafael Freitas disse...

Sem muitas palavras. Só amor.