segunda-feira, 17 de maio de 2010

Uma vida sem cigarro: é a Glória.


A atriz Glória Pires, que está de volta às telonas no filme “É proibido fumar”, conversou com a equipe “Sem Tabaco, 100% Fashion” sobre sua experiência pessoal com o cigarro. Glória parou de fumar há 10 anos e, para interpretar a professora de violão solteirona Baby, usou cigarros sem nicotina para não correr o risco de ter uma recaída.

“O que mais me agrada na experiência de ter parado de fumar é a sensação de liberdade, de não estar presa e dependente do cigarro. Além disso, tenho mais fôlego, mais disposição, sono e apetite melhor. A consciência de que o cigarro não me fazia bem, embora eu gostasse, foi tudo. Durante as filmagens não sofri, a não ser com a fumaça, que sempre foi desagradável para mim, mesmo quando era fumante. Sempre que me lembro que fumava, reafirmo o desejo de não recair.”


No filme, Baby (Gloria Pires) é uma professora de violão solteirona e solitária, que só encontra conforto no velho companheiro: o cigarro. Até que conhece Max (Paulo Miklos), um músico que ganha a vida como cantor de churrascaria. O casal se dá bem e Max só tem uma ressalva: será que dava para ela parar de fumar? "O cigarro parece meu amigo, mas é meu inimigo" vira o novo lema da professora de violão.

7 comentários:

Ana Carolina disse...

A Gloria ficou linda nessa foto!
Quero ver o filme!
Bjos!
=)

Blog Alfinetes de Morango disse...

Ela é mulher e tanto...

Michelle disse...

Mega feliz em ver teu blog contra o fumo.
Assisti uma morte muito sofrida do meu avô por conta do cigarro.
E como não adianta falar,que nos tornamos chatos e ineficazes,aqui ta na dose certa.
Bjo!!!

Ticiana disse...

Esse filme é ótimo e a Glória arrebenta, como sempre!

Clau disse...

Glória Pires, cada vez mais linda e boa no que faz. É isso aí, 100% contra, pelo menos nos locais onde eu estiver!!

Cristiane disse...

Muito legal o depoimento.
Gostei do final: "Sempre que me lembro que fumava, reafirmo o desejo de não recair".

É isso aí, se libertar de um vício é retomar o controle da sua vida, é ter a lucidez da razão, é deter em suas mãos o controle das emoções, antes da droga - seja ela o cigarro, o álcool, o açúcar, ou outra droga qualquer.

Lispector disse...

Cris,

A transformação é algo poderoso!
Amedronta,assusta...mas quando o coração pede ,e você segue seu caminho com perseverança e fé, tudo flui.Acredite!
Conte com meu apoio, quando precisar sabe onde encontrar-me.
Sou muito grato pelo carinho que teve e tem pela Lispector.

Beijo e fica com Deus,

Victor Charlier